domingo, 6 de março de 2016

Município de Augusto Corrêa (PA) escolhe seu Hino Oficial

O Município de Augusto Corrêa, no Nordeste do Pará, promoveu na sexta-feira, dia 04 de março de 2016, a última fase da escolha de seu Hino Oficial, com a participação de grande público no Centro Social de Nazaré, centro da cidade. O concurso prevê a premiação de 15 mil reais ao hino vencedor e a gravação musical da peça para compor o acervo municipal como parte dos símbolos municipais oficiais daqui por diante.


Desde o segundo semestre de 2015, após a publicação de edital público, a Prefeitura Municipal de Augusto Corrêa, com o apoio das secretarias municipais de Cultura e de Educação, deram início ao processo de escolha do Hino Oficial de Augusto Corrêa. Entre as regras, o hino deve tratar de aspectos da história e cultura da cidade, numa peça musical inédita que homenageia as potencialidades naturais, sociais e humanas.
A prefeita Romana Reis publicou documento escolhendo uma comissão organizadora e uma comissão julgadora, da qual fiz parte. As etapas do processo envolveram músicos, historiadores e professores que selecionaram criteriosamente 10 composições candidatas entre os inscritos. Depois, na última sexta, a apresentação e julgamento de 3 finalistas, dentre as dez previamente avaliadas. Diversos critérios técnicos foram avaliados, que envolvem a música, a história e a linguagem apresentada.


Para a prefeita Romana Reis, esse concurso é um marco histórico para Augusto Corrêa e constitui a importante valorização da arte, música e dos talentos locais, com a participação de diversos músicos e instrumentistas locais, regionais e até nacionais que se inscreveram no certame.
Após a avaliação, foram escolhidas três composições finalistas com maior pontuação dentre as dez apresentadas para ser o Hino de Augusto Corrêa, cujo resultado deverá ser anunciado no próximo dia 28 de março, no aniversário da cidade.
Agradeço à Prefeitura Municipal de Augusto Corrêa pelo convite e cumprimento todos os músicos, intérpretes e colegas de júri que fizeram parte do concurso, desejando que este símbolo da cultura municipal seja elemento da consolidação e valorização da identidade cultural e do povo urumajoense.

Fotos: Acervo pessoal (2016)

Um comentário:


  1. Amigos, eu sou Administrador, Advogado e Professor. Agora, aos 76 anos, aposentado, dedico-me a escrever livros infanto-juvenis educativos. Tenho um site, onde disponibilizo meus livros para baixar gratuitamente. Estes livros educativos são úteis e importantes para que as crianças de sua cidade sejam melhores pessoas e cidadãs mais conscientes! Meus trabalhos são, essencialmente, voltados ara a EDUCAÇÃO de nossas crianças. São livros que colaboram para o desenvolvimento e formação de pessoas, bem como para inspirar, despertar e reforçar o interesse, nos seguintes aspectos: caráter e valores morais; conceito de cidadania; consciência ecológica; valores de família; respeito aos educadores (pais, avós e professoras); ordem e disciplina; cultura e conhecimento; incentivo ao estudo como caminho para o sucesso e espiritualidade. O site tem o caráter filantrópico e educativo, sem fins lucrativos.
    Eis o site: www.literaturaeducativa.com.br

    Atenção! Este e-mail não é um vírus. Se tiver dúvidas, pesquise no Google – Literatura Educativa – e acesse o site acima por este caminho, se quiser maior segurança.

    Agradeço o apoio de vocês na divulgação do site, possibilitando-me uma parceria para uma melhor Educação de nossas crianças! Se gostou do site, divulgue-o aos seus amigos.

    Atenciosamente, João José da Costa, Escritor.

    ResponderExcluir