sábado, 24 de junho de 2017

Convite - Lançamento do livro Estrada de Ferro de Bragança

No dia 24 de junho de 1883 foi iniciada a construção da Estrada de Ferro de Bragança e aproveito a data convidando todos para uma conversa sobre patrimônio ferroviário e lançamento do livro "Estrada de Ferro de Bragança: Memória Social e Patrimônio Cultural", organizado pelo arquiteto Giovanni Blanco Sarquis (IPHAN/PA) com artigos das áreas de História, Geografia, Literatura e Arquitetura. Participem!
Local: Sala de Videoconferência do Campus da UFPA Bragança.
Data: 07 de julho de 2017
Horário: 18h30min
Obs.: As inscrições são limitadas, gratuitas e serão realizadas com o envio de e-mail para dario@ufpa.br, fornecendo apenas nome completo.
Realização: IPHAN/PA, Ministério da Cultura
Apoio: Imprensa Oficial, Governo do Estado do Pará e Faculdade de História, UFPA Bragança

quinta-feira, 8 de junho de 2017

I Semana Nacional de Arquivos - Bragança, 07 e 08 de junho de 2017

 
A Faculdade de História do Campus Universitário de Bragança (UFPA) promoveu nos dias 7 e 8 de junho de 2017 um concorrido evento acadêmico relacionado à I Semana Nacional de Arquivos, abordando o Arquivo do Poder Judiciário (Fórum de Bragança) e o Arquivo da Fundação Nacional do Índio (FUNAI), com o lançamento do documentário “Les Tembé, citoyens brésiliens de la forêt”. A programação aconteceu no Salão do Júri do Fórum de Bragança e contou com a participação de diversas autoridades.



Fotos: Público presente e mesa de abertura da I Semana Nacional de Arquivos, no Salão do Júri do Fórum de Bragança. Fonte: Acervo pessoal (2017)
  
O evento fez parte de uma ampla programação promovida pelo Arquivo Nacional e Fundação Casa Rui Barbosa e em Bragança buscou dar visibilidade às atividades desenvolvidas pelo Projeto de Extensão “Preservação documental e organização do acervo do Fórum de Bragança”, bem como das demais atividades do recém-fundado Grupo de Estudos Interculturais Pará-Maranhão (GEIPAM), no que se refere ao trato da documentação do acervo do Museu do Índio (da FUNAI) relativo ao período de existência do Serviço de Proteção ao Índio (SPI) – a primeira agência estatal a tratar da questão indígena no país – e que hoje compõe o conjunto de documentos do Laboratório de História da faculdade em Bragança.
Durante a programação foram assinados dois termos de cooperação técnica: o primeiro entre Universidade Federal do Pará (Campus de Bragança) e o Tribunal de Justiça do Estado do Pará, que oficializou os trabalhos de preservação e salvaguarda da documentação judiciária do arquivo do Fórum de Bragança pela Fculdade de História; o segundo entre Universidade Federal do Pará (Campus de Bragança) e a Fundação Nacional do Índio, que oficializou o trabalho desenvolvido pelo GEIPAM em relação à documentação do Museu do Índio, já em andamento no Laboratório de História de Bragança.



Fotos: Dr.ª Danielly Abreu, Juíza Diretora do Fórum de Bragança e o líder Piná Tembé assinando os convênios com a UFPA, representada pelo  Prof. Nelson Júnior, Pró-Reitor de Extensão. Fonte: Acervo pessoal (2017)

Durante o evento, foi lançado o documentário “Les Tembé”, produzido pela Rataf Association (França) em parceria com a UFPA, Campus de Bragança e Faculdade de História, que aborda aspectos do cotidiano dos Tembé, povo indígena que habita a região do Guamá e Gurupi, no Nordeste do Pará.
Estiveram no evento diversas autoridades, entre elas o Prof. Nelson Souza Júnior, Pró-Reitor de Extensão da UFPA que representou o Reitor da instituição, Prof. Emmanuel Tourinho; o Prof. Edmar Tavares, Pró-Reitor de Ensino de Graduação; a Dr.ª Danielly de Lima Abreu, Juíza Diretora do Fórum de Bragança, a Sra. Pollyna Pires, Diretora do Departamento de Documentação e Informação do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, representando a instituição; o Prof. Sérgio Moraes, Diretor do Núcleo de Meio Ambiente da UFPA; o Prof. Sebastião Rodrigues, Coordenador do Campus Universitário de Bragança; o Prof. Luís Augusto Soares, Secretário Municipal de Educação, a Prof.ª Janice Muriel Cunha, Assessora da PROEG/UFPA; a Prof.ª Edileuza Piletti, representando o Instituto Federal de Educação (IFPA) Bragança; o Prof. Phillipe Plas, representando a Universidade de Paris XIII (França), o Sr. Piná Tembé, liderança do Povo Tembé e o vereador Cláudio Soares Cruz.




Fotos: Autoridades presentes ao evento e Prof. Nelson Júnior, Pró-Reitor de Extensão (representando o Reitor da UFPA), Prof. Edmar Tavares, Pró-Reitor de Ensino de Graduação e Prof.ª Janice Cunha, Assessora da PROEG/UFPA com indígena Tembé. Fonte: Acervo pessoal (2017)

Coordenando o evento, a Prof.ª Maria Roseane Pinto, Diretora da Faculdade de História e as coordenadoras dos projetos apresentados Prof.ª Magda Costa e Prof.ª Vanderlúcia Ponte. Participaram ainda os docentes da FAHIST, Prof. Dário Benedito Rodrigues, Vice-Diretor da faculdade, Prof. Érico Muniz, Prof. Bruno Pinheiro, Prof.ª Roberta Alexandrina Silva, Técnico Bruno Silveira, Secretário da faculdade, discentes do Curso de História de Bragança além de um grande número de indígenas do Povo Tembé.
O Prof. Nelson Souza Júnior, que representou o Reitor da UFPA, destacou a importância do evento e do trabalho desenvolvido pela Faculdade de História de Bragança, como um marco histórico da presença da universidade na região. A Prof.ª Roseane Pinto, Diretora da Faculdade de História, destacou a relevância da Semana Nacional de Arquivos, através do evento local, pela visibilidade dos projetos em desenvolvimento na faculdade, pelo papel institucional da UFPA, do Tribunal de Justiça do Pará e da FUNAI na salvaguarda da memória local e dos povos indígenas, em especial o Povo Tembé. O líder indígena Piná Tembé, que participou do evento, ressaltou a importância do evento, que demarca a necessidade cada vez maior de se conhecer, divulgar e respeitar a cultura e os saberes dos povos indígenas brasileiros nos dias atuais.
Pela tarde do dia 7, foi apresentado o documentário "Les Tembé", com a mesa-redonda que contou com a Prof.ª Vanderlúcia Ponte (da Faculdade de História), do Sr. Jean-François Matteudi (da Rataf Association), do Prof. Philippe Plas (da Universidade de Paris XIII) e do líder Piná Tembé, que representou os indígenas participantes do evento e do documentário. Em seguida, os indígenas realizaram uma apresentação especial na Praça dos Eventos em Bragança.
Na manhã do dia 8 de junho, no Campus de Bragança, foram realizadas a mesa-redonda “A importância da preservação dos arquivos do Poder Judiciário e da FUNAI”, com a participação da Sra. Leiliane Rabelo (do Tribunal de Justiça do Estado do Pará) e apresentados alguns resultados preliminares do trabalho de pesquisa e extensão no acervo do Fórum de Bragança e no acervo do Museu do Índio da FUNAI.
A I Semana Nacional de Arquivos em Bragança contou com o apoio da Pró-Reitoria de Extensão da UFPA, da Secretaria Municipal de Educação, do IFPA Bragança, da FUNAI, da equipe do Fórum de Bragança, do vereador Cláudio Cruz e dos membros do Grupo de Estudos Pará-Maranhão.








Fotos: Mesa-redonda e apresentação trabalhos. Fonte: Acervo pessoal (2017)

domingo, 16 de abril de 2017

Semana do Calouro 2017 - UFPA Bragança - Faculdade de História



UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE BRAGANÇA
FACULDADE DE HISTÓRIA

SEMANA DO CALOURO 2017
Tema: Políticas Universitárias de Humanização: qual meu papel?
Bragança (PA), de 17 a 20 de abril de 2017

APRESENTAÇÃO

A Semana de Calouro 2017 tem como princípio norteador realizar a acolhida aos novos discentes do Curso de História, buscando sua integração junto à instituição, suscitando diálogos de formação e de orientação acadêmica entre calouros, os veteranos e os docentes da Faculdade de História.
É uma oportunidade de possibilitar aos calouros e aos discentes de História de maneira geral o debate e a reflexão sobre o Curso de História dentro da conjuntura atual, entendendo as perspectivas e os desafios envolvem esse ofício.

PROGRAMAÇÃO

DIA 17/04 (SEGUNDA-FEIRA)

Auditório do Instituto Santa Teresinha

8h – Credenciamento. Apresentação Cultural.

9h – Boas-vindas aos calouros 2017.

9h50min – Apresentação do vídeo “UFPA 60 anos”.

10h – Aula Magna “UFPA em Bragança: 30 anos. História e Memória” (Prof. Dário Benedito Rodrigues).

11h – Apresentação da estrutura administrativa do Campus de Bragança (Administrador Maurício Dourado).

14h – Orientações sobre o SIGAA – Sistema de Gerenciamento de Atividades Acadêmicas (Prof. Rubenilson Brito, Sec. Faculdade de Educação).

15h – Palestra “A Extensão Universitária no Campus de Bragança” (Prof. Dioniso Sampaio, Diretor de Extensão do Campus da UFPA Bragança).

16h – Orientações sobre a Assistência Estudantil na UFPA (Prof.ª Simone Bittencourt).

17 – Orientações sobre os serviços da Biblioteca Prof. Armando Bordallo da Silva (Bibliotecária Débora Matni).

DIA 18/04 (TERÇA-FEIRA)

Sala 8, Bloco II

16h – Abertura e apresentação do Curso de História e projetos (Direção, Técnico e Docentes da Faculdade de História e Disc. Benedito Emílio Ribeiro).

16h30min – Apresentação do Centro Acadêmico de História (Disc. Felipe Lopes).

Prédio Administrativo, 1º andar

17h – Exposição Fotográfica “Olhares da floresta”, do Grupo de Estudos Indígenas Pará-Maranhão (Prof.ª Vanderlúcia Ponte e discentes).

18h – Mostra audiovisual desenvolvida por discentes do Curso de História.

Sala 4, Bloco I

19h – Apresentação de pesquisas de discentes do Curso de História.

DIA 19/04 (QUARTA-FEIRA)

Complexo Esportivo Prof.ª Rosa Blanco, Aldeia

10h – Amistoso Veteranos X Calouros

Sala 8, Bloco II

16h – Mesa redonda “Educação e as Relações Étnico-Raciais” (Prof.ª Roseane Pinto).

17h – Mesa redonda “Atuação do Curso de História em Bragança em Ensino, Pesquisa e Extensão” (Prof. Dário Benedito Rodrigues, Prof.ª Eliane Soares e Prof.ª Magda Costa).

Sala 4, Bloco I

19h – Cine-debate “O abraço da serpente” (Discentes do Grupo de Estudos Indígenas Pará-Maranhão).

DIA 20/04 (QUINTA-FEIRA)

9h – Tour histórico-cultural por Bragança (Prof. Dário Benedito Rodrigues). Saída do Campus de Bragança.

Sala 4, Bloco I

16h – Mesa Redonda “Reforma do Ensino Médio e Ensino de História” (Prof. Neles Maia e Prof. Klayton Campelo).

17h – Encerramento e sorteio de livros aos calouros de História 2017.

21h – Programação Cultural (a definir), sob a responsabilidade do Centro Acadêmico de História.